Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página Inicial > Notícias > Reitor do IFMA é empossado presidente do Conselho Nacional de dirigentes
Início do conteúdo da página Notícias

Reitor do IFMA é empossado presidente do Conselho Nacional de dirigentes

O reitor comandará a instituição que congrega  41 instituições de ensino, num universo de cerca de um milhão de alunos e 70 mil servidores
  • por Assessoria de Comunicação
  • publicado 15/02/2017 13h00
  • última modificação 16/02/2017 15h06

O reitor do Instituto Federal do Maranhão (IFMA), Francisco Roberto Brandão Ferreira, tomou posse na noite da terça-feira (14) como presidente do Conselho Nacional das Instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica (CONIF), em cerimônia realizada no Instituto Federal de Brasília (IFB). O evento contou com a presença do vice-governador do Distrito Federal, Renato Santana, servidores e dirigentes da Rede Federal, de entidades ligadas à educação e de parlamentares. A bancada maranhense foi representada pelos deputados João Marcelo Souza (PMDB), Juscelino Rezende Filho (DEM), Luana Alves (PSB) e Pedro Fernandes (PTB).

À frente da nova diretoria executiva, Roberto Brandão assume a gestão de 2017 da entidade, que congrega 41 instituições de ensino em todas as unidades federativas brasileiras, abrangendo 644 campi. Atualmente, a Rede Federal reúne um universo de cerca de um milhão de alunos e 70 mil servidores (docentes e técnicos), além de 20 mil funcionários terceirizados. Além de 38 Institutos Federais, a Rede Federal é formada por dois Centros Federais de Educação Tecnológica (Cefets) e pelo Colégio Pedro II, no Rio de Janeiro.

No discurso de posse, o reitor do IFMA destacou dentre as principais metas de sua gestão a continuidade da implementação do planejamento estratégico do CONIF, a fim de definir ações específicas como a elaboração do plano de desenvolvimento da Rede Federal e a política de comunicação do Conselho. Para tanto, afirmou que o planejamento terá como fundamento os princípios de uma gestão integrada, aberta, transparente e participativa. “Os Institutos Federais têm muitos argumentos para convencer o poder público de que todos os investimentos no ensino profissional e tecnológico têm um espetacular retorno para o desenvolvimento do País”, disse Roberto Brandão, apontando para a necessidade de políticas de qualificação e capacitação com a perspectiva da constante atuação dos servidores da Rede Federal na melhoria da educação. Para alcançar maior representatividade da entidade, o presidente do CONIF ressaltou ainda a intenção de fortalecer as articulações com o Ministério da Educação (MEC), Congresso Nacional e o Governo Federal como um todo, assim como de estreitar os vínculos com a comunidade acadêmica.

Representando o MEC na cerimônia de posse, a titular da Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (SETEC), Eline Nascimento, considerou que o trabalho conjunto possibilita que as instituições da Rede Federal funcionem com máxima eficiência. “Vamos atuar em prol de quem mais importa, os alunos, trazendo resultados sociais e desenvolvimento econômico para todas as regiões”, disse a secretária. Por não poder comparecer à solenidade, o ministro Mendonça Filho recebeu parte dos integrantes da Diretoria Executiva em seu gabinete, na tarde de terça-feira (14). Ele ressaltou a importância de o CONIF e a SETEC consolidarem a expansão da Rede Federal, e confirmou que participará da próxima reunião ordinária do Conselho, em Brasília.

O reitor do Instituto Federal Sul-rio-grandense (IFSul), Marcelo Bender Machado, que encerrou seu mandato como presidente do Conif, destacou os desafios e avanços vividos em 2016. “Apesar das dificuldades conseguimos fortalecer o processo de expansão da Rede Federal, desenvolvendo ações estratégicas para a educação profissional no País e intensificando o diálogo com o governo e parceiros internacionais.

Roberto Brandão foi diretor financeiro na gestão anterior da entidade e, como presidente, substitui Marcelo Bender Machado, reitor do Instituto Federal Sul-rio-grandense (IFSul). Integram também a Diretoria Executiva para 2017 os reitores de institutos federais: Roberto Gil Rodrigues de Almeida (Triângulo Mineiro / IFTM), como vice-presidente; Wilson Conciani (IFB), diretor administrativo; Cláudio Alex Jorge da Rocha (Pará / IFPA), diretor financeiro; e Maria Clara Kaschny Schneider (Santa Catarina / IFSC), diretora de relações institucionais.

O novo presidente do CONIF é bacharel em Geografia pela Universidade Federal do Maranhão (UFMA), mestre e doutor em Geografia e Análise da Informação Espacial com Técnicas de Geoprocessamento, ambos pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (Unesp). Professor do IFMA desde 1990, na instituição foi pró-reitor de Planejamento e Administração, diretor de Administração e coordenador de Planejamento. Está em seu segundo mandato consecutivo como reitor.

Confira o discurso de posse na íntegra.

Galeria de fotos

Clique aqui para ver mais fotos

registrado em:
Assunto(s): CONIF , Posse , Roberto Brandão
Fim do conteúdo da página