Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
  • Acessibilidade
  • Alto Contraste
  • Mapa do Site
  • PortugueseEnglishSpanishChinese (Simplified)FrenchGermanItalian
Página Inicial > Notícias > Começa I Fórum de Dirigentes de Planejamento e Gestão
Início do conteúdo da página Notícias

Começa I Fórum de Dirigentes de Planejamento e Gestão

  • Assessoria de Comunicação
  • publicado 22/10/2009 20h25
  • última modificação 22/10/2009 20h25
Imprimir

O I Fórum de Dirigentes de Planejamento e Gestão do Instituto Federal do Maranhão – Campus Zé Doca – foi aberto na manhã desta quinta-feira, 22, com o objetivo de criar um espaço para discutir as formas de gestão de cada campus, considerando suas devidas especificidades.

forum_dirigentes01 forum_dirigentes02 forum_dirigentes03

Segundo o reitor pro tempore José Costa é sempre uma satisfação estar reunido com todos os representantes da instituição, traçando diretrizes para o futuro do Instituto. “É importante que os jovens estudantes sonhem. Zé Doca será o resultado dos sonhos de vocês, os quais devem acontecer de forma coletiva para a realização dos desejos da sociedade”, disse dirigindo-se para a plateia de alunos presente na apresentação teatral do grupo Terra Altaneira, formado por estudantes do Campus Zé Doca, responsável pela exibição da peça Show Brasil.

Em seu pronunciamento, no auditório do Campus, onde foi realizada a palestra sobre Gestão de Contratos Administrativos, com procurador chefe da Procuradoria do Instituto, Alcides Coelho, Zé Costa lembrou que a Instituição custa muito caro para a nação e que é preciso fazer algo para que o dinheiro, nela investido, renda mais. “Isso resultará na felicidade dos pais de nossos alunos, que verão seus filhos felizes vindo para a escola”, enfatizou o reitor.  “Estamos aqui para discutir e buscar respostas para a sociedade. Precisamos planejar formas de manter o aluno no Instituto, suprindo suas necessidades de acesso”, complementou.

Na opinião do diretor geral do Campus, professor Ivaldo José da Silva, o Fórum tem a finalidade precípua de compartilhar, discutir e propor alternativas para as várias questões com as quais nos defrontamos, divulgando soluções criativas e contribuído com o êxito da história da Rede Federal de Educação Profissional de Tecnológica.

Em sua fala o pró-reitor de Planejamento e Administração, Roberto Brandão, destacou a necessidade de autonomia financeira dos novos campi, essencial para que tenham estrutura orçamentária. “O evento vem no intuito de estreitar as relações entre os novos campi e pró-reitorias”, enfatizou.

A pró-reitora de Ensino, Marise Piedade, comentou que o planejamento é importante também para dar conta das condições de acessibilidade e infraestrutura, promovendo o desenvolvimento das localidades mais distantes dos grandes centros.

Após a exibição do vídeo institucional, mostrando as atividades do Campus Maracanã, o diretor do Campus, Vespasiano da Hora, falou sobre as condições para a elevação do conhecimento técnico dos alunos que, ao buscarem os cursos, sairão capazes de satisfazer as necessidades do Estado maranhense.

Todos os presentes, incluindo diretores gerais dos campi e pró-reitores, realizaram uma visita às instalações do Campus Zé Doca, conhecendo suas salas de aula, laboratórios de informática, química e alimentos, elevadores de acessibilidade, biblioteca, salas de vídeo e salão de eventos, contendo amostras de trabalhos desenvolvidos pelos alunos e professores ao longo da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia.

Convênio

Ainda na mesma oportunidade foi realizada a assinatura de parcerias entre o Instituto, a Universidade Federal do Maranhão e a Prefeitura do Município de Zé Doca. O objetivo é possibilitar a realização de práticas de laboratório e estágio supervisionado para acadêmicos da Uema e Instituto Federal do Maranhão.

Estão incluídos neste projeto os estudantes da Uema matriculados nos cursos de Administração, Biologia, Enfermagem e Letras.

Do Campus Zé Doca, participam os discentes dos cursos técnicos tecnológicos e licenciatura, nas áreas de Alimentos, Gestão Escolar, Bicombustíveis, Química, Saneamento Ambiental, Saúde, Biologia e Matemática.

registrado em:
Fim do conteúdo da página