Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
  • Acessibilidade
  • Alto Contraste
  • Mapa do Site
  • PortugueseEnglishSpanishChinese (Simplified)FrenchGermanItalian
Página Inicial > Notícias > Grajaú recebe prédio definitivo do IFMA
Início do conteúdo da página Notícias

Grajaú recebe prédio definitivo do IFMA

A solenidade aconteceu na sexta-feira (19) e contou com a presença da comunidade acadêmica, população grajauense e autoridades locais e nacionais.
  • Andréia Lima
  • publicado 22/08/2016 14h27
  • última modificação 24/08/2016 10h44

Imprimir
Inauguração de Grajaú (1)

Da esquerda para a direita: prefeito de Grajaú, Júnior Otsuka; reitor do IFMA, Roberto Brandão; vice-governador, Carlos Brandão; secretário da SETEC/MEC, Marcos Viegas; diretor-geral do IFMA Campus Grajaú, Alberto Gonçalves; e a vereadora de Grajaú, Alessandra Almeida.

Com aproximadamente 62 mil habitantes, o município de Grajaú – que já possuía unidades da Universidade Federal do Maranhão e da Universidade Estadual do Maranhão –, recebeu na sexta-feira (19) o prédio definitivo do Instituto Federal do Maranhão (IFMA). A estrutura física é composta por blocos de ensino, salas de aula, laboratórios, setor administrativo, refeitório, auditório, biblioteca e área de vivência. A aula inaugural das primeiras turmas da unidade aconteceu no dia 2 de agosto, na sede do campus.

O diretor-geral do IFMA Campus Grajaú, Alberto Gonçalves, destacou que a chegada do campus irá interferir na realidade social do município. “O IFMA é uma instituição que respira e trabalha com a cidadania. Nós viemos oferecer ao município possibilidades de crescimento, já que Grajaú está recebendo uma instituição de qualidade para atender as famílias da região”, disse. Ao final ele entregou um projeto para a construção do complexo esportivo do campus, que foi assinado pelo secretário da Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (SETEC/MEC), Marcos Viegas.

Inauguração de Grajaú (7)

O secretário da SETEC/MEC, Marcos Viegas, assina o projeto de construção do complexo esportivo do Campus.

O prefeito de Grajaú, Júnior Otsuka, ressaltou a felicidade de receber uma unidade do IFMA em seu município. “Para nós é um orgulho muito grande receber esse campus em nossa cidade”, afirmou. Já o vice-governador do Maranhão, Carlos Brandão, que na ocasião estava representando o governador Flávio Dino, destacou que a unidade de ensino irá atender também os municípios da região. “Eu sei da importância de receber esse campus em Grajaú, pois oferece capacitação aos jovens possibilitando uma qualidade de vida melhor”, observou.

O reitor do IFMA, Roberto Brandão, destacou o esforço de todos para a concretização desse projeto. “A parceria do IFMA com o Ministério da Educação está nos dando resultados concretos. O Instituto Federal do Maranhão é um grande empreendimento. E esse é um projeto que dá certo e tem resultados. Hoje somos mais de 35 mil pessoas [entre alunos, servidores e terceirizados] fazendo o Instituto acontecer, e isso em comum acordo com a sociedade”, declarou.

Já o secretário da SETEC/MEC, Marcos Viegas, enfatizou o importante papel que os Institutos Federais desenvolvem na sociedade. “Hoje o município de Grajaú está ganhando um grande presente, pois vamos formar mão de obra qualificada para atender a demanda do setor local, assim as pessoas não vão precisar se deslocar para outros municípios da região”, observou o secretário.

A cerimônia contou com a Banda Municipal de Grajaú e os alunos do Projeto de Extensão de Leitura, Elaboração e Redação de Texto do Campus. A mesa de abertura foi composta pelo diretor-geral do IFMA Campus Grajaú, Alberto Gonçalves; o prefeito de Grajaú, Júnior Otsuka; a vereadora do município, Alessandra Almeida; o reitor do IFMA, Roberto Brandão; o vice-governador, Carlos Brandão; e o secretário da Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (SETEC/MEC), Marcos Viegas.

Histórico do Campus e homenagem

Com portaria de autorização de funcionamento datada de outubro de 2013, o Campus Grajaú integra a terceira fase do plano de expansão da Rede Federal de Educação Profissional e Tecnológica do Ministério da Educação, que engloba os institutos federais de todo o país, dentre outras instituições de ensino. A entrega oficial da placa de inauguração já tinha ocorrido em cerimônia em Brasília (DF), no último mês de maio. Antes do prédio definitivo, o Instituto estava instalado provisoriamente nas dependências da Universidade Federal do Maranhão (UFMA), no bairro Extrema.

Durante a 63ª reunião do Colégio de Dirigentes, na quinta-feira (10), o diretor-geral do IFMA Campus Grajaú, Francisco Alberto Gonçalves Filho, homenageou com uma placa os servidores que participaram do processo de implantação do campus. Foram homenageados os servidores Hélio Sobrinho da Silva Ribeiro, Sílvia Letícia Araújo de Freitas, Polliana Costa Chaves, Simone Azevedo Bandeira, Widglan Barbosa de Sousa e o próprio diretor, que também participou dessa fase.

Equipe Campus Grajaú

Da esquerda para a direita: Polliana Costa Chaves, Alberto Gonçalves, Simone Azevedo Bandeira, Hélio Sobrinho da Silva Ribeiro, Widglan Nunes e Sílvia Letícia Araújo de Freitas.

As primeiras turmas presenciais dos cursos técnicos na forma subsequente de educação profissional de nível médio (Informática, Administração e Agronegócio) tiveram início no dia 2 de agosto e já estão trazendo bons resultados. “A chegada do campus está abrindo oportunidades de profissionalização para várias pessoas aqui em Grajaú”, contou o estudante do curso técnico em Informática, Luís Felipe Lima. Já a estudante do curso técnico em Administração, Tatiane dos Santos, destacou a boa formação dos professores do Instituto. “Os nossos professores são bem formados e sabem explicar de uma forma que os alunos entendem. É uma instituição que está de parabéns com os seus professores”, disse.

A expectativa é que a implantação da unidade do IFMA atenda à demanda de estudantes do próprio município e de cidades vizinhas – Amarante do Maranhão, Arame, Fernando Falcão, Formosa da Serra Negra, Itaipava do Grajaú, Lajeado Novo e Jenipapo dos Vieiras – que também buscam formação técnico-profissional.

Mais imagens:

registrado em:
Fim do conteúdo da página