Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
  • Acessibilidade
  • Alto Contraste
  • Mapa do Site
  • PortugueseEnglishSpanishChinese (Simplified)FrenchGermanItalian
Página Inicial > Notícias > Comissão de recredenciamento institucional visita Reitoria do IFMA
Início do conteúdo da página Notícias

Comissão de recredenciamento institucional visita Reitoria do IFMA

Durante três dias, comissão avaliou a oferta de cursos de graduação a distância na instituição.
  • Maycon Rangel
  • publicado 17/05/2019 12h41
  • última modificação 17/05/2019 12h42

Imprimir

Gestores do IFMA se reúnem com os membros da comissão de recredenciamento institucional EAD

Na manhã de quarta-feira (15), a comissão ad hoc do Ministério da Educação (MEC) responsável pelo recredenciamento da Educação a distância (EAD) no IFMA esteve no Gabinete da Reitoria, em São Luís, onde se reuniu com gestores da Instituição. Na ocasião, os membros da comissão – os professores Antônio Pires de Almeida Júnior, Fábio Luís Falchi de Magalhães e Otávio Noura Teixeira – conheceram também as dependências da Reitoria, sobretudo a estrutura da Diretoria de Gestão de Tecnologia da Informação (DGTI).

A comissão de recredenciamento dos cursos EAD de graduação do IFMA realizou os trabalhos no Campus São Luís – Monte Castelo nos dias 13 e 14 de abril, coletando informações e avaliando diferentes aspectos da instituição, tendo como referencial o novo Instrumento de Avaliação Institucional Externa, que integra o Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (Sinaes). No processo, os avaliadores analisam cinco eixos – Planejamento e avaliação institucional; Desenvolvimento Institucional; Políticas acadêmicas; Políticas de gestão; e Infraestrutura – e atribuem notas numa escala de 1 a 5.

A chefe do Departamento de Pesquisa Institucional do IFMA, Fabíola Tavares, ressalta o engajamento dos diferentes segmentos da instituição no processo de recredenciamento. “A partir de um diálogo inicial com as pró-reitorias e com os responsáveis pelos eixos, conseguimos reunir todos os documentos e informações necessárias para o processo de recredenciamento dos cursos de graduação a distância”.

O diretor executivo do IFMA, Agenor Almeida, representou o reitor Roberto Brandão na reunião e agradeceu aos membros da comissão. “Esse é um momento fundamental para nossa instituição, pois, a partir do olhar de vocês, poderemos trabalhar ainda mais para consolidar nossas forças e superar nossas fraquezas. Tenho certeza que nossas próximas avaliações serão ainda melhores!”. Da mesma forma, o presidente da comissão, Fábio Luís de Magalhães, destacou a importância do momento. “Acredito que todo o trabalho de vocês vai gerar resultados, vai gerar frutos. Sabemos dos desafios que as instituições públicas de ensino enfrentam e, por isso, a avaliação institucional é tão importante, para fazer um diagnóstico e ir em busca dos resultados esperados”.

O diretor-geral do Campus Monte Castelo, Cláudio Leão, disse que valorizar os estudantes e servidores é também uma condição necessária para se alcançar uma educação de qualidade. “O IFMA tem olhar diferenciado e trabalha com a proposta de verticalização do ensino, conduzindo o aluno num percurso formativo que vai desde o ensino profissional até a pós-graduação. Vários servidores nossos são ex-alunos, o que demonstra a qualidade do nosso trabalho”.

A reunião contou também com a presença do pró-reitor de Administração, Washington Ferreira; da pró-reitora de Ensino, Ximena Bandeira; do pró-reitor de Extensão, Fernando Lima; da pró-reitora de Pesquisa, Pós-Graduação e Inovação, Natilene Mesquita; do pró-reitor de Planejamento e Desenvolvimento Institucional, Carlos César Teixeira; da diretora do Centro de Referência em Tecnologias (Certec), Simone dos Santos; do diretor de Ensino Superior do Campus Monte Castelo, Alberico Nascimento; da presidente da Comissão Própria de Avaliação (CPA) Central do IFMA, Laurinda Siqueira; da chefe do Departamento de Educação a Distância do Campus Monte Castelo, Eveline Sá; e do diretor de Gestão de Tecnologia da Informação, William Mendes.

 

Entenda o recredenciamento

O recredenciamento de instituições de educação superior (IES) consiste num ato legal, baseado em processo de avaliação da instituição, o qual não só confirma ou nega a sua competência para oferecer cursos em nível superior, mas, inclusive, reafirma ou altera a categoria na qual o estabelecimento se enquadra.

São cinco eixos destacados para a avaliação: o planejamento e avaliação institucional; o desenvolvimento institucional; as políticas acadêmicas; as políticas de gestão e a infraestrutura. Ao final será concedida, pelo Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (Sinaes), uma nota para cada eixo que varia de 1 a 5.

No relatório técnico final da avaliação, a comissão de avaliadores apresenta os pontos a serem melhorados e os pontos positivos e fortes da instituição, além da nota geral que a instituição recebe, chamada de Conceito Institucional (CI), uma média aritmética de cada eixo, o que consiste na parte de maior relevância na avaliação proposta pelo Sinaes.

Fim do conteúdo da página