Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
  • Acessibilidade
  • Alto Contraste
  • Mapa do Site
  • PortugueseEnglishSpanishChinese (Simplified)FrenchGermanItalian
Página Inicial > Notícias > Alunos do IFMA são premiados na Olimpíada Maranhense de Matemática
Início do conteúdo da página Notícias

Alunos do IFMA são premiados na Olimpíada Maranhense de Matemática

Este ano, os competidores do IFMA conquistaram 90% das premiações concedidas aos alunos de nível médio.
  • Assessoria de Comunicação
  • publicado 29/10/2019 17h08
  • última modificação 29/10/2019 17h08

Imprimir

Lucas Oliveira, do 1º ano de Edificações do Campus Imperatriz, foi medalhista de ouro.

Alunos do IFMA conquistaram nove de um total de dez premiações concedidas a competidores de nível médio na Olimpíada Maranhense de Matemática (OMM 2019). Os estudantes do Instituto levaram uma medalha de ouro, uma de prata, três de bronze e quatro menções honrosas. Os medalhistas terão acesso direto à Olimpíada Brasileira de Matemática (OBM), que será realizada nos dias 11 e 12 de novembro. Veja como ficou a tabela de resultados da OMM entre os participantes do Ensino Médio:

EstudanteEscolaPrêmio
LUCAS ALMEIDA OLIVEIRAIFMA CAMPUS IMPERATRIZMedalha de Ouro
ÂNGELO DE CARVALHO NUNESIFMA CAMPUS IMPERATRIZMedalha de Prata
FABIANO EDUARDO SANTOS SILVACOLÉGIO MILITAR TIRADENTES IMedalha de Prata
JOEBSON NUNES TRINDADEIFMA CAMPUS SANTA INÊSMedalha de Bronze
ALEXANDRE BARROS DE ARAUJOIFMA CAMPUS IMPERATRIZMedalha de Bronze
GIULIANY DOS S FERREIRA NOGUEIRAIFMA CAMPUS PINHEIROMedalha de Bronze
GUSTAVO KAUÊ LIMA DA SILVAIFMA CAMPUS AÇAILÂNDIAMenção Honrosa
MARCUS VINÍCIUS DE SOUSA ALMEIDAIFMA CAMPUS AÇAILÂNDIAMenção Honrosa
ROBSON LUAN DO NASCIMENTO DE SOUSAIFMA CAMPUS SANTA INÊSMenção Honrosa
FÁBIO SANTOS DE OLIVEIRA FILHOIFMA CAMPUS SANTA INÊSMenção Honrosa

O resultado positivo para os estudantes do Instituto é reflexo dos esforços que os campi têm empregado no incentivo e preparação desses alunos em diversas olimpíadas do conhecimento. Nos campi Imperatriz, Pinheiro e Santa Inês, os professores desenvolvem projetos específicos de preparação para esse tipo de evento.

O medalhista de ouro da OMM 2019, o aluno de Edificações Lucas Oliveira, é um dos estudantes atendidos pelo projeto do Campus Imperatriz. “Gosto de matemática desde que me entendo por gente, gosto do tipo de desafio que as olimpíadas me colocam e me esforço sempre para conseguir  aumentar minhas habilidades em resolver problemas”, comenta. Ele está cursando o 1º ano do Ensino Médio e pretende prestar vestibular para o Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA).

O preparatório para olimpíadas de matemática do Campus Imperatriz foi criado em 2015 pelo professor Daniel de Carvalho. A coordenação também conta com os professores Everton Cangussu e Paulo Jales. Com esse projeto, o resultado dos alunos nas olimpíadas tem melhorado. Além do ouro, o campus também teve medalhistas de prata e de bronze: Ângelo Nunes, do curso de Química, e Alexandre de Araújo, do curso de Eletromecânica. Ângelo foi, inclusive, um dos medalhistas de ouro do campus na Olimpíada de Matemática dos Institutos Federais (OMIF).  “Vamos continuar incentivando os alunos nas atividades olímpicas e estamos esperançosos de medalhas de ouro também na OBMEP e na OBM, e através destes resultados irmos para competições internacionais”, comenta o professor Daniel.

Medalhista de bronze e única menina premiada entre os competidores de Ensino Médio, a aluna de Administração Giuliany Nogueira está entre os 40 estudantes do Campus Pinheiro que participam do preparatório para provas e olimpíadas criado em abril deste ano. Giuliany também foi aprovada na primeira fase da OMIF nas edições de 2018 e 2019. A professora de matemática Gabriela Cardoso acredita que o incentivo às garotas deve ser maior. “Aqui no campus trabalhamos muito o incentivo nas participações olímpicas com as nossas garotas. Como sou a única professora da disciplina que o campus teve desde sua criação, tento mostrar que elas também podem ser destaques na Matemática”, comenta a docente.

No Campus Santa Inês, o estímulo maior à participação dos alunos em olimpíadas de matemática também começou em 2015, sob coordenação do professor Pessoa Júnior. Ele conta com o apoio de mais quatro professores e um aluno da Licenciatura em Física do IFMA. Este ano, o campus foi premiado nas olimpíadas Matemática sem Fronteiras (prata e bronze) e Canguru de Matemática (prata, bronze e menções honrosas). Na OMM 2019, uma das medalhas de bronze foi para Joebson Trindade, do curso técnico em Edificações. Duas menções honrosas foram para Fábio de Oliveira Filho e Robson Luan de Sousa, que é um dos destaques do campus em olimpíadas do conhecimento e este ano também foi selecionado para representar a região Nordeste em um programa de intercâmbio do governo japonês.

“Este ano começamos a trabalhar com alunos do 9º ano do ensino fundamental, com aulas quinzenais aos sábados no intuito de buscar novos talentos para as olimpíadas de matemática e conquistar esses alunos para que estudem no nosso campus a partir do próximo ano”, revela o professor Pessoa Júnior.

Já a professora de Matemática do Campus Açailândia, Regiane Cantanhêde, conta que foi a primeira vez que a unidade participou da OMM e já obteve duas menções honrosas – para os alunos Gustavo da Silva e Marcus Almeida. Apesar de não possuir um preparatório específico para olimpíadas, o campus participa todos os anos da OBMEP e já esteve em duas edições da OMIF.

Sobre a OMM

Este ano, a Olimpíada Maranhense de Matemática chegou a sua 5ª edição, sendo realizada em etapa única no dia 29 de agosto num total de dez municípios maranhenses. O evento é aberto a todos os alunos de escolas públicas e privadas do Maranhão, que são divididos em três níveis – o primeiro para o sexto e sétimo anos do Ensino Fundamental, o segundo para o oitavo e nono anos e o terceiro para estudantes de Ensino Médio.

registrado em:
Fim do conteúdo da página