Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
  • Acessibilidade
  • Alto Contraste
  • Mapa do Site
  • PortugueseEnglishSpanishChinese (Simplified)FrenchGermanItalian
Página Inicial > Notícias > Propostas do IFMA são selecionadas no Edital Capes Amazônia Legal
Início do conteúdo da página Notícias

Propostas do IFMA são selecionadas no Edital Capes Amazônia Legal

Recursos vão fomentar planos de desenvolvimento de programas de pós-graduação “stricto sensu”.
  • Assessoria de Comunicação, com informações da PRPGI
  • publicado 04/09/2020 12h11
  • última modificação 04/09/2020 12h11

Imprimir
A Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) divulgou o resultado preliminar das propostas selecionadas no Programa de Desenvolvimento da Pós-Graduação (PDPG) na Amazônia Legal. O edital tem o objetivo de fomentar propostas de planos de desenvolvimento de programas de pós-graduação stricto sensu recomendados pela Capes, em áreas estratégicas, apresentadas por Instituições de Ensino Superior (IES) localizadas na região da Amazônia Legal.

As três propostas submetidas pelo Instituto Federal do Maranhão (IFMA) foram aprovadas, totalizando um valor de R$ 1.800.000,00 (um milhão e oitocentos mil reais) para investimento nos programas acadêmicos da instituição, como materiais de consumo e bolsas de pós-graduação. O plano apresentado, “Desenvolvimento sustentável da Amazônia: consolidação dos programas de pós-graduação do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão”, é composto por três projetos: 1) Potencial energético de resíduos agrícolas como fonte de energia limpa na agroindústria maranhense; 2) Consolidação do Programa de Pós-Graduação em Energia de Materiais (PPGEM) através de temas relevantes para a Amazônia Legal; e 3) Estratégias de consolidação do Programa de Pós-Graduação em Química para o desenvolvimento sustentável da Amazônia Legal – Estado do Maranhão.

O resultado final será divulgado no dia 27 de setembro e a implementação dos projetos será iniciada a partir do mês de outubro.

 

Saiba mais

A Amazônia Legal é uma área que corresponde a 59% do território brasileiro e engloba a totalidade de oito estados – Acre, Amapá, Amazonas, Mato Grosso, Pará, Rondônia, Roraima e Tocantins – e parte do Estado do Maranhão. O conceito de Amazônia Legal foi instituído em 1953 e seus limites territoriais decorrem da necessidade de planejar o desenvolvimento econômico da região e, por isso, não se resumem ao ecossistema da selva úmida, que ocupa 49% do território nacional e se estende também pelo território de oito países vizinhos.

Fim do conteúdo da página