Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
  • Acessibilidade
  • Alto Contraste
  • Mapa do Site
  • PortugueseEnglishSpanishChinese (Simplified)FrenchGermanItalian
Página Inicial > Notícias > Universo IFMA promove reflexão sobre papel da assistência estudantil na pandemia
Início do conteúdo da página Notícias

Universo IFMA promove reflexão sobre papel da assistência estudantil na pandemia

A palestra foi ministrada pela psicóloga da Diretoria de Assuntos Estudantis (DAE) do Instituto, Renata Trovão.
  • Assessoria de Comunicação
  • publicado 15/04/2021 17h47
  • última modificação 15/04/2021 17h49

Imprimir

Os desafios da assistência estudantil em tempos de pandemia foram o assunto da palestra ministrada por Renata Trovão, psicóloga do Instituto Federal do Maranhão (IFMA), durante a programação desta quinta-feira (15) no Universo IFMA. Esta é a sexta edição do evento, que pela primeira vez está sendo realizado em formato on-line. Assim como as demais palestras e mesas-redondas, a atividade foi transmitida pelo canal da TV IFMA no Youtube e a gravação ficará disponível na plataforma.

A palestra contou com mediação da servidora Andrea Mourão e a participação do público que interagiu com a convidada por meio do chat. Ao longo da exposição, Renata compartilhou algumas estratégias que as equipes de assistência estudantil do IFMA têm utilizado para tentar minimizar o impacto da pandemia na rotina dos alunos. A psicóloga, que trabalha na Diretoria de Assuntos Estudantis do IFMA (DAE), aproveitou também para explicar a Política de Assistência ao Educando do Instituto e todos os programas de assistência universais e específicos nela previstos.

Ela destacou que, devido à pandemia, no ano passado foram incluídos nessa relação o auxílio financeiro emergencial ao estudante e o auxílio inclusão digital – para aquisição de pacotes de internet e equipamentos para os estudantes em situação de vulnerabilidade socioeconômica. “A assistência estudantil atua visando diminuir as desigualdades sociais. E o cenário que a gente tem vivido é de uma grave crise em que as desigualdades são cada vez mais notáveis”, explicou. Outros desafios são promover saúde física e mental, além de contribuir para a permanência dos estudantes em um cenário de mudanças, interrupções e desmotivação.

Para suprir todas essas demandas, foi necessário pensar em estratégias juntamente com os profissionais dos campi. “A principal ferramenta que a gente utilizou para superar esses desafios foi a atuação das nossas equipes que foram incansáveis e dedicadas”, pontuou a psicóloga. Entre as estratégias destacadas por ela estão a mudança no formato de atendimento, entrega de alimentos do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE) e busca ativa dos alunos em risco de evasão.

Segundo Renata, quando chegar o momento apropriado, a instituição deve ainda preparar os alunos e equipes para o retorno às atividades presenciais. “A gente não vai voltar a ser o que era antes. Vamos viver uma nova realidade. Um período pós-pandemia com todas as suas consequências e impactos. Os desafios da assistência estudantil não param quando acabar o momento da pandemia. A gente vai continuar trabalhando para estar cada vez mais adaptados às necessidades dos nossos alunos”, analisou.

Confira a programação completa do evento (com links para as transmissões).

registrado em:
Fim do conteúdo da página