Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
  • Acessibilidade
  • Alto Contraste
  • Mapa do Site
  • PortugueseEnglishSpanishChinese (Simplified)FrenchGermanItalian
Página Inicial > Notícias > IFMA apresenta projetos inovadores na Expo Indústria 2022
Início do conteúdo da página Notícias

IFMA apresenta projetos inovadores na Expo Indústria 2022

Evento acontece até o dia 29 de maio no Multicenter Negócios e Eventos, em São Luís. IFMA conta com estande fixo para apresentação de projetos de pesquisa, inovação e extensão.
  • Marcos André Soares, com informações da Fiema
  • publicado 27/05/2022 20h15
  • última modificação 30/05/2022 15h39

Imprimir
Teve início na noite desta quinta-feira (26) a quarta edição da Expo Indústria Maranhão, que acontece no Multicenter Negócios e Eventos, em São Luís, e segue até o dia 29 de maio. a ação traz um pavilhão de estandes com cerca de 200 expositores e uma vasta programação com encontros de negócios, palestras, bate-papos, oficinas, workshops, estandes, painéis e serviços, voltados a empresários, investidores, estudantes e público em geral. O tema deste ano é Indústria Sustentável. O Estande do IFMA traz projetos de pesquisa e inovação, de extensão e estratégicos. Confira a programação completa dos projetos do IFMA na Expo Indústria.

A professora Eliane Rodrigues Abreu, do Departamento de Design do Campus Monte castelo, apresenta seu projeto integrado de Design: Domínio do designer na revitalização do patrimônio cultural | Centro Histórico de São Luís – MA. “O trabalho tem o enfoque de mostrar a importância do design na contribuição das equipes multidisciplinares que fazem as restaurações dos centros históricos a nível nacional. Observamos que todos os centros históricos pesquisados tiveram um momento de ascensão e declínio. As pessoas que vão utilizar os centros não são as mesmas de séculos atrás. Pontuo que a questão do design entro dessas equipes deixa o trabalho mais dinâmico, com o desenvolvimento de equipamentos urbanos adequados, boa sinalização, que trazem uma valorização maior ao centro”, explica. “Mostrar isso às pessoas que movimentam o turismo é nosso foco aqui na Expo Indústria”, complementa a professora.

A Professora Eveline Sá, do Departamento de Computação do Campus Monte Castelo, apresentou os trabalhos: ORDER TASK: gerenciamento e priorização de tarefas em ambientes de desenvolvimento ágil; SIISP: Sistema de Inteligência, Informação e Segurança Penitenciária; CONSULTA AÍ: um aplicativo para agendamento de profissionais da saúde para atendimento ao idoso em domicílio; AUT GAMES FINDER: avaliador de jogos educacionais voltados para crianças com transtorno do espectro autista; Help Doc: um chatbot para compartilhar informações e documentações de sistemas em equipes de desenvolvimento; Forest Math: jogo educativo para o ensino de matemática e Plataforma Colaborativa para promoção do fortalecimento econômico, produtivo e comunitário de rendeiras da Raposa – MA.

Sobre a plataforma colaborativa, Eveline explica que “A ideia é entregar às rendeiras uma plataforma onde elas possam cadastrar os produtos e comercializar pela internet e agregar a essa plataforma a história da produção. A gente precisa mostra que o IFMA consegue fazer esse tipo de produções e que pode ser generalizado para outros produtos. A participação aqui na Expo Indústria pode facilitar nosso contato com empresas e expositores. Com os nossos projetos, a ideia é levar inclusão digital às pessoas”, finaliza.

As alunas Nicole dos Santos Amorim e Talita Eduarda Santos Costa, do curso de eletroeletrônica do Campus Monte Castelo, sob a coordenação do professor Almir Souza e Silva, do Departamento de Eletroeletrônica, apresentaram um projeto de campainha inclusiva utilizando inteligência artificial desenvolvido por alunos com deficiência auditiva com o objetivo de facilitar tanto pra os familiares como para os deficientes auditivos e visuais quando precisarem voltar em casa e essa pessoa com deficiência estiver sozinha. Utilizamos um protocolo para enviar os dados para o smartphone, e quando a pessoa toca a campainha, o sistema faz o reconhecimento facial com aplicação da inteligência artificial, a imagem é identificada, verificada e enviada pelo celular, com vibração e luzes da lanterna piscando”, explica.”

O professor Almir explicou que estão sendo apresentados trabalhos na linha da robótica inclusiva envolvendo internet das coisas, monitoramento de temperatura, umidade, luminosidade. “Temos também uma aplicação de realidade aumentada, com o acionamento de dispositivos pra ligar e desligar sem estar presente no local. Temos ainda um registro escolar, com um cartão de passagem que registra direto em uma planilha PDF. Ele também consegue enviar aos alunos um aviso quando toca a campainha dos horários de aula. Outro projeto que temos é um projeto que faz a conversão de LIBRAS para português, com a detecção da letra em libras que aparece no visor como a letra do alfabeto. Também temos um óculos com visão computacional que detecta pessoas que estão próximas e vibra para avisar a pessoa com deficiência, e uma bengala que vibra ao se aproximar de obstáculos”, explica o professor.

O Estudante do curso de Engenharia Elétrica do Campus Monte Castelo, Lucas Eloi, complementa que “a ideia é fixar o projeto de LIBRAS para a área da educação buscando a facilitação da comunicação entre o aluno surdo e o professor, ou qualquer outra pessoa surda e um falante”.

 

 

 

Indústria Sustentável

A escolha da temática da sustentabilidade na indústria pelo Sistema FIEMA atende aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável elencados pela Organização das Nações Unidas (ONU), em particular, o objetivo 9 da instituição internacional, que versa sobre o fomento à inovação, desenvolvimento de infraestrutura de qualidade, confiável, sustentável e resiliente, incluindo infraestrutura regional e transfronteiriça, para apoiar o desenvolvimento econômico e o bem-estar humano, com foco no acesso equitativo e a preços acessíveis para todos.

A sustentabilidade no setor industrial tem sido tema de debates e discussões em todo mundo, especialmente em congressos de meio ambiente. A indústria é um grande gerador de empregos, recursos e desenvolvimento para as grandes cidades e tem trabalhado para incentivar a criação de políticas de sustentabilidade ambiental. Isso, inclusive, por meio da remodelação dos processos de produção nas indústrias, na qual é imprescindível adotar equipamentos e soluções tecnológicas.

Espaços e programação

A Expo Indústria Maranhão 2022 funcionará das 17h às 22h e contará com debates de palestrantes de renome, especialistas em suas áreas de atuação, que apresentarão pontos de vista importantes sobre temas relevantes para o setor industrial e empresarial, dentro do foco da sustentabilidade. Este ano, a Expo Indústria Maranhão vai além das edições anteriores (2015-2017-2019) e expande sua área de atuação aos setores do Comércio, Turismo e Agronegócio, que estarão ao lado da Indústria,

registrado em:
Fim do conteúdo da página