Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
  • Acessibilidade
  • Alto Contraste
  • Mapa do Site
  • PortugueseEnglishSpanishChinese (Simplified)FrenchGermanItalian
Página Inicial > Notícias - PE > Fábrica de Inovação do IFMA realiza Hackathon na X ERCEMAPI
Início do conteúdo da página Notícias

Fábrica de Inovação do IFMA realiza Hackathon na X ERCEMAPI

Os estudantes receberam mentorias e desenvolveram soluções para desafios propostos por duas empresas convidadas.
  • Assessoria de Comunicação
  • publicado 29/09/2022 12h18
  • última modificação 01/12/2022 16h30
Imprimir

No pitch, as equipes tiveram cinco minutos para defender sua ideia.

Como parte da programação da X Escola Regional de Computação do Ceará, Maranhão e Piauí (X ERCEMAPI), a Fábrica de Inovação do IFMA promoveu um Hackathon nos dias 27 e 28 de setembro, na praça de alimentação do Golden Shopping, em São Luís. A ação contou com a participação de quatro equipes formadas por cerca de 20 estudantes de cursos técnicos e de graduação do Instituto. O evento culminou na tarde dessa quarta-feira (28), com a premiação dos times que tiveram as melhores avaliações na resolução dos desafios propostos.

O reitor Carlos Cesar e o pró-reitor de Ensino Maron Gomes visitaram o espaço do Hackathon.

No início do Hackathon, duas empresas convidadas apresentaram os desafios para os quais os estudantes deveriam desenvolver uma solução. O problema proposto pela empresa Foco, especializada em TI e gestão empresarial, foi relacionado à melhoria de mobilidade urbana para pessoas com deficiência. Já o desafio apresentado pela empresa At Hand, que trabalha com computação em nuvem, foi como reduzir o tempo do processo de compra dos seus serviços de três meses para um mês.

Ao longo desses dois dias, os times receberam mentorias e participaram de oficinas sobre design thinking, prototipação e pitch. Foram convidados para contribuir com essa etapa os professores Luís Maia e Paulo Rocha, do IFMA Campus Caxias, e Karol Borges, da Creative Pack. No fim, cada equipe teve que defender sua ideia em um pitch de no máximo 5 minutos, seguido de perguntas do painel de avaliadores.

Resultados

As soluções foram avaliadas pelos representantes da Foco, Vasco Augusto, e da At Hand, André Alves; além de Danielle Camelo, do Sebrae; de Heitor Dias, da Clops Games Studio; da professora Natilene Brito, da Fábrica de Inovação do IFMA; e do professor Josenildo Silva, do Departamento de Computação do IFMA Campus Monte Castelo. No primeiro desafio, eles decidiram premiar a equipe “Blinds”, que propôs um aplicativo para auxiliar pessoas com deficiência visual a pegarem ônibus. Já a equipe “No Name” foi a vencedora do segundo desafio, apresentando uma reformulação do site da empresa, com chatbot e informações adicionais. Os prêmios dados às melhores propostas somam R$ 2.500 e treinamento oferecido por uma das empresas participantes.

Membro da equipe “Blinds”, o aluno Plácido Luís cursa o 1º período de Sistemas de Informação do Campus Monte Castelo e afirmou que se sentiu motivado a participar de mais hackathons. Também estudante de Sistemas de Informação, o representante da equipe “No Name” Gabriel Leite espera usar o treinamento oferecido como prêmio para melhorar o desempenho nos próximos eventos do tipo. Assim como eles, a maioria dos participantes teve apenas o primeiro contato com hackathons, design thinking e prototipação de soluções.

O evento foi coordenado pelas professoras Eveline Sá e Salete Farias, da Fábrica de Inovação do IFMA Campus Monte Castelo. Segundo a professora Eveline Sá, a ação marca um retorno aos hackathons presenciais – oportunidade para que os estudantes façam networking, acessem novas tecnologias e tenham a experiência de cooperação para o desenvolvimento de soluções.

Galeria de Fotos

Fim do conteúdo da página